Páginas

segunda-feira, 16 de agosto de 2010

idades, tempos

Crescer nunca foi algo insuportável para mim, quer dizer, cada aniversário foi esperado com um sorriso no rosto e com uma certa confiança, sempre pude dizer que cresci e aproveitei todo o tempo possível. Mas esse ano não quis crescer, não quis fazer 15 anos e nem quis que os dias passassem tão rápido. Não sei se foi por medo da responsabilidade ou por simplesmente não crescer... talvez tenha sido uma certa "birra". A verdade é que não podemos mudar isso, assim como a idade muda, os gostos também mudarão... Mas sabe, a ficha ainda não caiu.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

conte-me

idades, tempos

Crescer nunca foi algo insuportável para mim, quer dizer, cada aniversário foi esperado com um sorriso no rosto e com uma certa confiança, sempre pude dizer que cresci e aproveitei todo o tempo possível. Mas esse ano não quis crescer, não quis fazer 15 anos e nem quis que os dias passassem tão rápido. Não sei se foi por medo da responsabilidade ou por simplesmente não crescer... talvez tenha sido uma certa "birra". A verdade é que não podemos mudar isso, assim como a idade muda, os gostos também mudarão... Mas sabe, a ficha ainda não caiu.